Início » Arquivo

Artigos marcados com: PJe

Especiais, Justiça 2.0, Notícias »

[17 out 2016 | Agência CNJ de Notícias ]
Justiça recebe pela primeira vez mais processos em meio virtual

A Justiça brasileira recebeu, em 2015, cerca de 27 milhões de processos novos, dos quais 55,7% foram por meio eletrônico. É a primeira vez que a proporção de processos novos em meio virtual supera a porcentagem de novas ações judiciais propostas em papel (44,3% do total). Há seis anos, esse índice de casos novos eletrônicos, como são chamados esses processos, era de 11%. A mudança no modo de acionar a Justiça começou a ser notada em 2012.

Justiça 2.0 »

[20 set 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

A Comissão Permanente de Tecnologia da Informação e Infraestrutura do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) editou o Relatório de Gestão do Processo Judicial Eletrônico (PJe), publicação sobre o sistema de tramitação eletrônica de ações judiciais que busca modernizar o funcionamento da Justiça brasileira. Ao permitir que atos processuais sejam realizados e acompanhados no ambiente virtual, o PJe contribuiu para abolir a dependência do papel, reduzir o custo da Justiça e atender à exigência constitucional de duração razoável do processo.






Justiça 2.0 »

[14 set 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

O CNJ determinou a anulação da determinação contida em um ofício do TJAM, que restringiu a inserção de decisões ou despachos nos autos digitais pelos magistrados titulares de varas de entrância inicial, situadas no interior do estado, quando estiverem fora das dependências do fórum de suas respectivas comarcas. De acordo com o voto do conselheiro do CNJ ministro Lelio Bentes, relator do procedimento, “o uso do bloqueio utilizado pela presidência do TJAM para o controle da presença dos magistrados nas comarcas é medida desproporcional”.






Justiça 2.0 »

[22 ago 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

Os tribunais brasileiros poderão baixar, a partir desta segunda-feira (22/8), a mais recente versão do Processo Judicial Eletrônico (PJe), sistema desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que moderniza a tramitação de ações judiciais. Ao disponibilizar o PJe 2.0 aos órgãos do Judiciário, o sistema poderá começar a ser testado nas unidades judiciárias onde deverá operar assim que for aprovado para uso (homologado). Desde junho, a versão 2.0 estava em fase de testes no CNJ.






Notícias »

[19 ago 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu, por maioria, negar provimento ao Pedido de Providências 0005957-84.2015.2.00.0000, formulado por Lenilson Luiz Miranda Máximo, que visava ao acesso a todas as peças de processos, por todos os usuários logados no sistema eletrônico do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), independentemente de figurarem como parte. O requerente alegava necessidade de se restabelecer o princípio da publicidade.






Justiça 2.0 »

[17 jun 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) disponibiliza, a partir desta sexta-feira (17/6), o aplicativo Navegador PJe, uma versão customizada do navegador Mozilla Firefox, desenvolvida especificamente para uso do PJe instalado nos tribunais de todo o país e no CNJ. O objetivo é tornar mais fácil a utilização do sistema pelo usuário que não possui profundos conhecimentos em Tecnologia da Informação. A solução é resultado de parceria do CNJ com o Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte (TJRN).






Justiça 2.0 »

[2 jun 2016 | Tribunal de Justiça do Paraná ]

Presidido pela Desembargadora Regina Afonso Portes, de forma pioneira no Brasil, conforme informado pelo Supervisor Geral do Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação, Desembargador Marcelo Gobbo Dalla Déa, foi realizado nesta quarta-feira (1/6) o primeiro julgamento virtual do Brasil utilizando a plataforma do Processo Judicial Eletrônico (PJe). O julgamento contou com integrantes do colegiado, membros do Ministério Público e o representante da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Paraná.






Justiça 2.0 »

[25 maio 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) começa a testar nesta sexta-feira (27/5) a versão 2.0 do Processo Judicial Eletrônico (PJe), sistema de tramitação eletrônica de processos judiciais, com novidades que prometem facilitar o uso da ferramenta. Mudanças de forma, conteúdo e de ordem tecnológica foram realizadas para tornar o PJe mais simples de operar, permitindo acesso mais rápido aos processos eletrônicos.






Justiça 2.0 »

[3 maio 2016 | Agência CNJ de Notícias ]

O SEEU foi aprovado na semana passada como política nacional judiciária pelo plenário do CNJ, e em 90 dias deve estar instalado ou integrado com tribunais brasileiros por meio do Modelo Nacional de Interoperabilidade. Fornecido gratuitamente pelo CNJ, o sistema será inicialmente levado a cortes que ainda não possuem qualquer sistema eletrônico de execução penal – nessa primeira fase estão Minas Gerais, Piauí, Pará, Espírito Santo e o TRF5.






Justiça 2.0 »

[3 maio 2016 | Tribunal Regional Federal da 3ª Região ]

A Segunda Turma do TRF3, presidida pelo desembargador federal Cotrim Guimarães, realizou na tarde desta terça-feira (6/5) a primeira sessão de julgamento virtual no âmbito da Justiça Federal, quando foram julgados por meio eletrônico 355 processos pelos desembargadores federais Cotrim Guimarães, Peixoto Júnior e Souza Ribeiro. Dos 361 feitos em pauta na sessão, apenas seis foram retirados do julgamento pelos próprios relatores, a pedido das partes.